quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Saigon

Um pedaço do cáos... um batom se perdendo na luz neon da noite... Um sorriso maroto*... Costumo pensar que esta música só pode ter sido composta depois de se assistir Apocalypse Now. Mas juro que é só uma viagem.

Tantas palavras, meias palavras,
nosso apartamento, um pedaço de Saigon
Me disse adeus em um espelho com batom
Vai minha estrela, iluminando,
Toda esta cidade, como um céu de luz neon
Seu brilho silencia todo som
Às vezes você anda por aí, brinca de se entregar,
sonha pra não dormir
e quase sempre eu penso em te deixar e
é só você chegar, pra eu me esquecer de mim.
Anoiteceu, olho pro céu e vejo como é bom
ver as estrelas na escuridão.
Espero você voltar pra Saigon.
Anoiteceu, olho pro céu e vejo como é bom

(*) Saigon é música do repertório do grupo de pagode Sorriso Maroto.

7 comentários:

gauchescas disse...

Não dá pra acreditar. Esses conjuntos de pagode são muito ruins. Eu conhecia esta música cantada pela Alcione, ou Leny Andrade.
Confesso que fiquei chocada de saber ser deles.

jr disse...

Só acho que a Saigon da música não tem nada a ver com a do filme citado.

Anônimo disse...

Essa música é muito boa mesmo.
Otávio

Jonga Olivieri disse...

Isso mesmo Ieda. É meio surpreendente o resultado desta música na média desses grupos.
E a Alcione a cantou.

Jonga Olivieri disse...

Como eu falei, é uma viagem minha, não necessariamente...

maria disse...

Esse é dos melhores grupos de pagode.

Jonga Olivieri disse...

... porque tem cada coisa que sai da frente.